Deuses ou Deus?

O homem é muito fácil e rápido para julgar e condenar outros pelos seus erros. Em quase todos os capítulos do livro dos Juízes (21) encontramos o ciclo do pecado do povo de Israel. Para ser sincero, quando a gente lê dá um pouco de raiva porque como um povo pode ser tão obstinado contra Deus que os libertou do Egito. Já na terra que Deus prometeu, o povo havia perdido 3 grandes líderes: Moisés, Josué e Calebe. Mas, não havia perdido Deus!

Juízes 10.6 diz: “Mais uma vez os israelitas fizeram o que o Senhor reprova. Serviram aos baalins e aos postes sagrados, e aos deuses de Arã, aos deuses de Sidom, aos deuses de Moabe, aos deuses dos amonitas e aos deuses dos filisteus“.

Por que o povo de Israel seguiu estes 6 deuses? O que eles tinham de bom, melhores do que Deus? O que estes deuses tem de bom para nos oferecer hoje, em troca do que Deus tem?

Os deuses baalins eram os deuses do prazer. O culto da carne e do sexo livre;
Os deuses de Arã eram os deuses que deitavam ofertas entre si como sinal de aliança na guerra;
Os deuses de Sidon eram os deuses da lua e da fertilidade;
Os deuses de Moabe eram liderados pelo maioral Chemosh, deus destruidor, opressor e implacável;
Os deuses amonitas, serviam a Moloch, deus que sacrificava crianças nos rituais de culto;
Os deuses dos filisteus, eram liderados por Dagon, o deus da fertilidade, da abundância e das colheitas. 

Deixo aqui, estas referências de deuses que afastaram o povo de Israel de Deus, que perderam o foco por mais de 70 anos sofrendo em mãos inimigas porque não quiseram seguir as regras de Deus como nação. E nós, século 21, cristãos religiosos, seguidores de Cristo, o que temos em comum com estes deuses em nossas próprias vidas, ao mesmo tempo em que nos declaramos ser de Deus? O que estes deuses, também atuais hoje, tem nos oferecido, que Deus não oferece?

Pense Nisso!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *