A Justiça de Deus…

Desejo fazer uma reflexão sobre esta questão, a justiça de Deus . Deve ser uma luta prá Deus poder atender aos apelos dos jogadores dos dois times que estão jogando, rezando prá Ele abençoar com vitória. Eu não saberia o que fazer. Mas, a questão que desejo ponderar é: que conhecimento temos a respeito de Deus? Podemos definir este conhecimento através de comentários feitos a Seu respeito.

Exemplo: No jogo hoje do Corinthians, ao ser campeão, na festa um jogador, sem precisar citar o nome, possivelmente “evangélico”, sendo entrevistado, fez o seguinte comentário quando perguntado sobre o que representava a vitória pra ele, jogador. Ele respondeu: “Deus é justo. Ele me abençoou com esta vitória. Tenho sido justo com Ele e Ele me abençoou”.

Será que é assim que Deus age? É desta forma que Ele abençoa as pessoas? Temos que ser justos primeiro com Ele prá depois Ele nos abençoar? É mais ou menos “toma lá, dá cá?”. Esse é o parâmetro que Deus usa no relacionamento com as pessoas?

Penso que é complicado a gente fazer certos comentários sobre alguém se não o conhecermos bem, não é mesmo? O fato é que existe um monte de afirmações que as pessoas, de todos os seguimentos, principalmente na religião, fazem sobre Deus que não tem a menor validade, primeiro, porque Deus não nos autoriza a fazer comentários em Seu nome e, segundo, preciso conhecer melhor Deus para “tentar” comentar alguma coisa em Seu nome. Isso é sério, não?

Pense Nisso!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *